16 de Dezembro, 2021

Ebanx adquire a Remessa Online

Ebanx adquire a Remessa Online

A fintech de processamento de pagamentos online, Ebanx, anunciou a aquisição da Remessa Online, um serviço de remessa de dinheiro para o exterior. Para efetuar a transação, a startup desembolsou cerca de US$ 229 milhões (R$ 1,3 bilhão na cotação atual).

Com o início de suas atividades em 2012, em Curitiba, a compra é a maior da história do Ebanx. A startup é responsável por processar os pagamentos de brasileiros para diversas gigantes, como o Spotify, Alibaba e Airbnb. Vale ressaltar que o negócio foi finalizado às vésperas da abertura de capital do Ebanx.

Antes da startup, a Remessa Online já havia recebido aportes dos fundos Kaszek, Mar ventures, Bewater Ventures e de Kevin Efrusy, sendo este último um dos primeiros a investirem no Facebook.

A empresa foi fundada em 2014 e é uma das maiores empresas do setor. Conforme relatou os fundadores, ela é responsável por 30% de todas as remessas de pessoas enviadas ao exterior.

Conforme revelou a Bloomberg, o Ebanx planeja ser avaliado em US$ 10 bilhões após o IPO nos Estados Unidos.

Mesmo com a aquisição, os três fundadores manterão suas participações no negócio, liderando a nova vertical de remessas do Ebanx, que faturou cerca de US$ 430 milhões com a Advent no último semestre.

Além da Remessa Online, o Ebanx adquiriu a Juno, empresa responsável por processar pagamentos de ecommerce. Também planejando reduzir sua dependência junto à outras instituições financeiras, a startup agora detém de 30% da participação do Banco Topázio.

Ainda, o site especializado Brasil Journal avalia a aquisição como uma diversificação do negócio do Ebanx. A partir disso, a startup que só processava pagamento do Brasil ou de outros países da América Latina para empresas estrangeiras, agora começa também a atender companhias locais.

A operação possibilitará que a Remessa tenha à disposição toda a tecnologia do Ebanx para se integrar aos contratadores do exterior para manter o crescimento da empresa.

Fonte: Baguete

Imagem: Freepik