20 de Abril, 2021

Em sua maior aquisição, Intelbras anuncia compra da Khomp

Em sua maior aquisição, Intelbras anuncia compra da Khomp

A empresa pretende ainda investir R$ 460 milhões para acelerar sua expansão nos próximos 18 meses.

A Intelbras anunciou sua maior aquisição, a compra de 75% das ações da Khomp. As duas operações continuarão independentes.

De acordo com Altair Silvestri, CEO da Intelbras, dentre os objetivos de se tornar uma companhia de capital aberto está melhorar o crescimento sustentável, ágil e a continuidade dos negócios. Assim, essa aquisição estratégica realizada apenas dois meses após a estreia na B3 demonstra o compromisso com acionistas, parceiros, funcionários e, também, dos consumidores.

Com matriz em Florianópolis/SC, a Khomp tem 25 anos de mercado e conta com 231 funcionários, dos quais mais de 50% integram o departamento de P&D. Tem atuação direcionada ao desenvolvimento técnico de produtos e serviços na área de telecomunicações, especialmente softwares e produtos de grande porte, controle de Acesso e IoT – Internet das Coisas para agronegócio, saúde, smart cities e energia, focada em contact center, operadoras, provedores, órgãos públicos e iniciativa privada.

A Khomp está consolidada no Brasil e na América Latina, e seus negócios têm apresentado crescimento com base em receita recorrente, que já representam 40% do faturamento.

Giancarlo Macedo, principal executivo da empresa, salientou que o apoio da Intelbras ajudará a Khomp a expandir o sistema de comunicação, equipamentos de controle de acesso e Internet das Coisas, além de agrear experiência para aproveitar ao máximo as sinergias.

Silvestri aponta que, com a aquisição, a Intelbras já começou a usar uma parte dos recursos adquiridos na oferta primária de ações, visto que está alinhada com o desenvolvimento de produtos e tecnologias de comunicação, redes e controle de acesso, o que possibilitará a ampliação dos seus negócios B2B.

Para dar suporte aos planos de crescimento, além de investir em fusões e aquisições em mercados como a Khomp, a Intelbras pretende investir R$ 460 milhões para otimizar sua expansão orgânica e inorgânica nos próximos 18 meses.

Desta quantia, R$ 170 milhões serão alocados para ampliar a capacidade produtiva e incrementar as unidades da companhia em São José e Tubarão, em Santa Catarina, Santa Rita do Sapucaí, em Minas Gerais, e Manaus, Amazonas. Além da Khomp, o Grupo Intelbras também adquiriu a Maxcom, a Automatiza, a Engesul e a Décio e Seventh.

Fonte: Assessoria Prosper Capital, com informações Revista RTI
Foto: Business photo created by rawpixel.com - www.freepik.com