04 de maio, 2021

Internet via fibra ótica ultrapassa cabo, cobre e rádio juntos

Internet via fibra ótica ultrapassa cabo, cobre e rádio juntos

Os dados mais recentes da Anatel mostram que a fibra agora responde por mais da metade de todo o acesso à Internet fixa no Brasil. Dos 36,3 milhões de contratos de banda larga contabilizados pela agência, 51,5% utilizam a tecnologia FTTH, onde a fibra óptica chega à casa dos clientes.

Desde março de 2020, a fibra óptica é a principal tecnologia de banda larga no Brasil. Um ano depois, o método FTTH (fibra ótica até a casa do usuário) ultrapassou pela primeira vez a soma de todos os outros métodos de acesso, como cabo metálico (xDSL ou Ethernet), cabo coaxial (HFC), rádio e satélite.

Entre todos os 18,7 milhões de acessos de fibra, a Vivo é a operadora líder neste ramo, ocupando 20,1% do mercado. A Oi apareceu na sequência, com 14,9%, seguida da Brisanet, com 3,6%. Entre as outras grandes empresas, a Claro ficou em segundo lugar com 2,7%, seguida pela TIM com 1,8%.

É importante destacar, no entanto, que as grandes operadoras representam apenas 39,5% da tecnologia FTTH. Os provedores regionais são os verdadeiros protagonistas da popularidade da fibra ótica no Brasil, que, por meio dessa forma de acesso, chega a 11,3 milhões de assinantes.

Este percentual, supõe-se, deve ser ainda maior, pois nem todas as pequenas operadoras informam seus dados à Anatel,o que pode levar a um sub-registro do volume de banda larga.

Fonte: Tecnoblog

Foto: Imagem de PawinG por Pixabay